terça-feira, 14 de novembro de 2017

A insanidade da codependência... Até quando?!


Bom diaaa!

Eu gostaria, de coração, que todas as famílias pudessem ouvir isso...
Porque, no fundo, eu gostaria de ter tido a oportunidade de ouvir isso antes, de poder ter falado isso para meus familiares que já partiram (afundados na codependência), pois evitaria tanta dor desnecessária...
Cuidem-se!



5 comentários:

  1. Uau! Muitíssimo obrigada pelas palavras!

    ResponderExcluir
  2. Poly,já me sinto intima.. rs.. acompanho seu blog há 2 anos e seus videos me chocaram!! Sou eu falando?!! Você conta a minha historia, minhas dores.
    Tudo começou quando me separei do pai da minha filha. Eu tinha 23 anos, uma filha de 4 anos e um relacionamento de 10 anos. Namoravamos desde os meus 13 anos. Ali eu me perdi. Nao sabia como viver sem ele. Apesar de demostrar para as pessoas que eu era forte, guerreira, na verdade me tornei uma pessoa carente e fraca.

    1 ano depois em uma festa de aniversario da minha filha meu ex me apresentou um amigo novo. 1 mes depois esse tal amigo me encontra em um bar e dali começa a historia.

    Me apaixonei, comecei a ajudar financeiramente e emocionalmente. 2 anos de namoro ate a primeira agressao. Estavamos em uma viagem e de repente ele comecou a surtar no restaurante com ciumes. Fui para o quarto e acordei com ele me sacudindo. Terminamos. Ficamos 2 anos sem nos falar. Bloquiei em tudo. Porem ele continuava a me mandar e-mails. Um dia abri seu e-mail. La ele dizia que havia passado pelo fundo do poço mas que estava se tratando. E que gostaria de ser meu amigo. Eu claro, aceitei e comecamos a nos encontrar. Quando eu vi ja estava apaixonada de novo. Minha familia nao aceitava, sai da empresa do meu pai, por causa dele, briguei com amigas. Ate que fiquei internada e quase morri. Sou portadora de uma doenca autoimune. E ele me apoiou, ficoi comigo no hospital.

    Minha familia entao passou a enxerga-lo com outros olhos. E resolvemos nos casar.

    Com 3 semanas de casamento. Ele sumiu. Pelo aplicativo do celular, descobri q ele estava em uma comunidade. Fui atras. Achei que ele estava me traindo.

    ResponderExcluir
  3. Você disse que queria chacoalhar o familiar com esse vídeo: missão cumprida! Me identifiquei em cada palavra. Chorei ao longo de todo o vídeo. Muito obrigada por nos mostrar que a nossa dor pode ser tratada e compartilhada.

    ResponderExcluir
  4. Poly preciso de sua ajuda meu zap 018997728603

    ResponderExcluir