terça-feira, 30 de julho de 2013

Preguiça!!!



Boa tarde!

Tudo bem com vocês?

Hoje estou me sentindo meio pra baixo. Sei lá por quê. Detesto ficar assim...

Ontem, meu esposo estava de folga. Pela manhã, sacou R$ 50,00 e foi lavar o carro, enquanto eu estava no trabalho. Por volta das 10 horas, liguei pra tratar de uns assuntos nossos, e ele não atendeu. Liguei mais uma vez, e nada.

Eu tinha uma reunião nesse horário. Então, coloquei o celular no silencioso, peguei minha agenda e caneta, e fui.

É incrível como nessas horas ainda vem aqueles pensamentos: "será que ele recaiu?", “larga tudo e vai atrás dele”. Mas, aos poucos estou aprendendo a me controlar. Apesar do frio na espinha ser inevitável.

Na reunião, a cada dez palavras que eu ouvia do meu chefe, dava uma espiadinha no visor do celular. Antes das 10:30 horas, vi o nome “amor” chamando. Vontade de levantar correndo para atender, mas eu não podia...

Serenamente (ao menos por fora), esperei o fim da reunião, para retornar a chamada.

Estava tudo bem. Ele estava com o celular no bolso, no silencioso, e não viu. Antes de meio-dia ele estava aqui, com o carro limpíssimo, para almoçarmos juntos.

Foi muito agradável.

Mas, não sei por que essa noite dormi tão mal. Tive pesadelos horríveis do meu esposo recaindo. Uma agonia só! Não descansei nada!

Eu preferia sonhar com o Jack estripador do que com meu esposo recaindo... É muito ruim!

Ele me ligou no meio da manhã, está em seu trabalho. Está tudo bem.

Só por hoje, 4 meses e 4 dias.

Na verdade, acho que o que estou sentindo é cansaço mesmo.

Trabalho, blog, projetos, página no face, e-mails, marido, filhos pequenos, casa, trânsito, noite mal dormida... 

E ainda essa vontade louca de comer doces... Aff!

Bom, queridos, não tenho muito a falar hoje. Apenas que estou trabalhando em um projeto novo, lindíssimooo, e que, com certeza, vocês vão amar!!!

Além disso, não deixem de assinar e divulgar o nosso abaixo-assinado, que já está com 254 assinaturas!

Link: http://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/11501 .


Pra terminar, gostaria de deixar essa mensagem, para reflexão. A escrevi em meu facebook, no domingo, quando estava com meus pequenos...




"Estava aqui, fazendo bolas de sabão para os meus dois filhos caçulas, e observando. O caçula, de um ano, dando gargalhadas. E o mais velho, de quatro anos, pulando para estourar as bolinhas, aos risos. Daí, me pergunto: em que momento da vida "desaprendemos" essa felicidade em razão de coisas tão simples?"


Boa terça, queridos!

Deixa eu voltar para o trabalho... Espero que essas três horas passem rápido, estou morrendo de sono!!!

Beijos no ♥! 


8 comentários:

  1. oi mulher...inconscientemente ainda você liga a sua felicidade as escolhas de seu esposo, por isso esse cansaço..não mascare o que seu corpo grita, esse cansaço além das tarefas diarias, é devido a uma luta interna que vc tem travado consigo mesma, não se cobre tanto...continue caminhando e olhe bem fundo dentro de ti...e não tenha problemas consigo mesma em assumir isso pra ti mesma...sim eu Polly ainda ligo minha felicidade as escolhas do meu esposo...uma dica me dada pelo Du, que aprendeu na sua internação: Enquanto não admitimos verdadeiramente a nós mesmos os nossos "erros" ou não existe uma real mudança....na teoria a gente já sabe como faz...hora de trabalhar pra colocar em prática o real desligamento emocional...bons momentos...e vc consegue!! Olha que simples..porém não é fácil...e se ele recair? e dai? o q vc pode fazer..nada..avalie as possibilidades todas...se ele recair hora de dizer a ele...(apenas uma sugestão) BENHÊ..ou clinica ou rua...bjus e ti amo incondicionalmente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Inconscientemente não, querida. Tenho plena consciência do quanto ainda sou codependente... Mas, o meu cansaço, vai além... Obrigada por suas palavras, Kel! O caminho é esse mesmo. Bjão!

      Excluir
  2. A coisa vira uma neurose querida Poly! Eu sendo um DQ.em recuperação as vezes me pego pensando em droga. Mas como falou o Papa "Temos que ter força e esperança".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Eduardo. Força e esperança. E um dia a mais pra todos nós! Serenidade, amigo!

      Excluir
  3. sim não quis dizer que não tens essa consciência, sei que sim...se for apenas cansaço fisico uma noite bem dormida resolve ;) bjus e fica com Deus

    ResponderExcluir
  4. TODO MUNDO TEM SEUS DIAS DE ALTOS E BAIXOS, NORMAL. NÃO SE COBRE POLY, AMANHÃ ESTARÁ MELHOR. VOCÊ FAZ MUITO PELO PRÓXIMO E ISSO É MUITO BONITO, EMBORA IMAGINO O QUANTO TE TRAZ MAIS OBRIGAÇÕES E CANSAÇO. TIRE UM TEMPO PARA VOCÊ, E NÃO LIGUE PARA PESSOAS QUE SE APROVEITAM DESSES SEUS DIAS PARA TENTAR OFUSCAR O SEU BRILHO, VOCÊ DÁ AULA SIM DE RECUPERAÇÃO POR MEIO DA SUA VIDA, E NOS MOSTRA COMO É POSSÍVEL SER FELIZ MESMO COM UM MARIDO DQ. MUITO OBRIGADA. BEIJOS. CAROLINA ANDRADE.

    ResponderExcluir
  5. Oi Poly.
    Já li seu blog todo. Me ajuda muito e me sinto acolhida.
    Até já comentei em alguns posts.
    Estes sonhos com o amado recaindo são horríveis. Já tive e fica uma sensação ruim. Porém quando acordo entrego nas mãos de Deus e me desligo.

    Quanto ao seu cansaço quem sabe reservar umas horinhas pra si mesma para fazer uma massagem, um retoque no visual ou para descansar um pouco?
    Dificil sendo mãe, esposa, funcionária, blogueira etc
    Mas vc merece esta renovação.

    Paz na alma!

    ResponderExcluir
  6. 'Amanhã, vai ser melhor do que hoje é a vida pode escrever.Amanhã vou me curar pro meu dia nascer melhor"
    (Sorriso Maroto)
    Bjss Querida..AMooo acompanhar o seu blog

    ResponderExcluir