quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Acreditar muda a gente por dentro!



Ano novo, vida nova!

Queridas(os), estou passando apenas para dar um “oi”.

Estou de férias por dez dias, do trabalho, mas em casa a correria é maior. Filhos... marido... casa...

Perdoem-me por minha ausência, mas estou gastando o meu tempo livre estudando para uma prova de concurso que farei no mês que vem, além de estar trabalhando no livro Dias de Recuperação.

Aqui em casa, tudo bem!

Meu esposo está limpo há 78 dias. É uma luta diária contra sintomas: irritabilidade, sonolência, agitação, mas ele tem buscado a sua recuperação, com unhas e dentes. E tem dado certo! E eu o amo, mesmo com suas limitações.

A diferença é que agora estamos indo assiduamente à casa de Deus. E isso tem me feito um bem danado! Na verdade, estou muito diferente... Agora mesmo, meu esposo foi para a oração da manhã, e eu fiquei com as crianças em casa, me perguntem se tem ao menos um pouquinho de medo no meu coração dele não voltar?

É muito bom confiar nesse Deus e entregar tudo o que não podemos controlar nas mãos Dele! Faça isso você também...

Tenho acompanhado as recaídas de muitos esposos das companheiras de blog e facebook, e também nos muitos e-mails recebidos, nesse final e início de ano. Queridas, seguro minha mão na de vocês. Uno o meu coração ao de vocês. E tenho orado pelas famílias de vocês.

Deus pode lhe dar uma história muito diferente... Você acredita? O acreditar faz toda a diferença...

“Se você pensa que pode, ou se você pensa que não pode, de qualquer forma você tem toda a razão....” (Henry Ford)

Amo vocês!

“Passear à tarde de mãos dadas com o seu amor... Brincar de "tá pronto seu lobo" com o filho... Tomar sorvete... Ver o sorriso do seu bebê... Ouvir um "te amo também, mãe" da filha adolescente... É, acho que os milhões da mega da virada não podem comprar isso: Felicidade! Paz! Amor!... Obrigada, Senhor!!!” Por Polyanna, via facebook, em 05/01/13.



14 comentários:

  1. Bom dia Poly!
    Entregar nas mão de Deus é o melhor a se fazer, frequentar a casa de Deus tbm é tudo, é o que me ajuda, é o que tem me sustentado até aqui, amiga se não fosse pela palavra de Deus que eu ouvia eu jamais teria forças para chegar até aqui, ainda há muito que percorrer, mas com Deus na direção tudo com certeza irá bem!!

    Muita fé pra vc amiga!!! bjssssss

    ResponderExcluir
  2. polly,a minha vida ta de cabeça pra baixo mas tenho fe que uma hora tudo mudara,minha filha foi estudar fora passou no vestibular era a hora da gente ta unidos trabalhando pra ajuda-la
    mas ele ta usando noite e dia o maldito crack.conseguimos vaga na clinica de graça,mas resgate nao ele tem que querer mas ele manipula demais.sei que to doente anciosa,com medo e tudo mais to no olho do furacao!!obrigado pelo espaço do desabafo!!bjus tudo de melhor pra ti!!!

    ResponderExcluir
  3. Ler seu post me fez ver mais uma vez a diferença que faz quando estamos proximos de Deus. Acho que o fato de eu e meu namorado termos nos afastado propiciou inumeras aberturas para que ocorresse mais uma recaida, isso depois de 1 ano e 7 dias limpo.
    Que além de fé para acreditar que Deus vai curar nossos amados e a nós mesmas, tenhamso força e sabedoria para permanecer no seu caminho.
    bjs para vocês

    ResponderExcluir
  4. Oi Poly!
    Que bom que vai tudo bem, nós merecemos um pouco de paz né?
    Estamos também de férias, e curtindo junto com a família, coisa que não fazíamos a 3 anos!
    Faz muita diferença ter fé e acreditar! Seja qual for o seu problema, fale com Ele, Ele vai ajudar vc!
    Um grande abraço, aproveitem!!!
    Renata A T

    ResponderExcluir
  5. olá Polly
    que bom ver que está tudo bem com vcs,dentro do possível.
    Também estou mto contente pq meu filho está indo bem em sua ecuperaçãO. Saiu da recuperação há dois meses e meio e está limpo há 3 meses e alguns dias.
    Esta semana resolveu deixar o cigarro tb. Faz seis dias. Passa tb por muitos momentos de inquietação, sono ruim, alguns momentos de fissura e as vezes depressão, mas está bem determinado.
    Que possam continuar!
    abraço
    .

    ResponderExcluir
  6. Amiga,te acompanho sempre,e temos muito em comum principalmente este amor incondicional por alguém muito especial.hoje posso te dizer que eu perdi,perdi pra mim mesma.perdi a cabeça falei coisas que não devia e pela primeira vez acho que não vamos mais envelhecer juntos.ele se foi e ficou um vazio,uma dor que não consigo medir.são 22 anos juntos e tres filhos,e muitos momentos bons.A nossa diferença é a vontade de mudar do teu esposo ele tenta! pode até recair, mas tenta.Meu esposo não,ele quer ficar assim e quer que agente aceite ele usando todo dia,convivendo com ele as vezes drogado as vezes bebado,não quero isso pra mim nem para os meus filhos.gostaria tanto que pelo menos ele tentasse,mas ele ainda não viu como esta doença é terrivel e terminal se não for tratada.não sei mais o que fazer diante disso a não ser me retirar,gostaria de ajuda ,mas não sei mais aonde procurar,mas saiba que vc ajuda muito é sempre um alento ler os posts,me da muita força.bjo no coração

    ResponderExcluir
  7. Oi poly,meu marido esta a 4 meses limpo,amanha irá para santa cruz do rio pardo fazer a aplicação da ibogaina! estamos super animados! depois venho aqui contar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Clarissa, vi seu post e pesquisei sobre a ibogaina... é a 1ª aplicação do seu marido? Como vc conseguiu esse tratamento? Fiquei interessada mas não sei como fazer... se puder me dar as dicas! Obrigada.

      Excluir
    2. oi anonimo, desculpe a demora, mais ta uma correria aqui. foi a 1. aplicação e acredito q a unica, ele esta super bem acho q acabou o pesadelo... nao faz 1 mes aindam mais esta correndo tudo bem, mande seu e-mail e te dou mais detalhes.

      Excluir
    3. Onde fica a clinica e qual os valores?

      Excluir
    4. Clarissa, você pode me enviar detalhes do tratamento?juu_vi@hotmail.com Obrigada!

      Excluir
  8. q saudade mininaaa..q bom ver vcs bem...q assim continue...a Sil em avisou doencontro q foi desmarcado..mais num desiste naum..apareça por aki quando der...bjuuu

    ResponderExcluir
  9. saudades sumidaaa.....some não!! a gente morre de sdds assim!! :(

    ResponderExcluir
  10. Poly me identifiquei muito com o seu blog, passo pelo mesmo problema
    é uma luta diária, muitas vezes passou pela minha cabeça desistir mais algo muito mais forte dentro de mim insisti em me fazer lutar!

    ResponderExcluir