terça-feira, 23 de outubro de 2012

Um amor para recordar!



Lembro-me que um dia, ainda no início do nosso romance, ele me presenteou com um DVD do filme Um Amor Para Recordar, e me disse que era a “nossa” história. Ao ver aquela história envolvente, em que a jovem Jamie consegue mudar o rapaz Landon com o seu amor, entendi que meu marido (então namorado) passava a mensagem de que o nosso amor o havia feito alguém diferente. E eu me senti realizada. Porque, no fundo no fundo, tudo o que nós, codependentes, sonhamos em ouvir e vivenciar é isso, que o nosso amor liberte nosso amado das drogas.

E eu vi aquele filme muitas e muitas vezes, e quase todas as vezes, chorava. Amava quando ele dizia que “o amor é como o vento, não posso ver, mas posso sentir.”

E eu esperava sentir esse amor assim tão verdadeiro.

E senti. E amei. E lutei. E acreditei.

Não posso dizer que meu marido também não fez o mesmo. Sei que ele também deu o seu melhor. Sei que não foi uma mentira. Ele realmente me amava (e ama), e talvez ele precisasse acreditar que esse amor finalmente o faria diferente, livre das drogas e dos comportamentos que giram em torno da adicção ativa. E fez, por algumas 24 horas. Mas, nem tudo é como em um filme de amor.

Ontem pela manhã, insisti para que ele ficasse no Instituto, a fim de se tratar, ainda que fosse um tratamento ambulatorial. Mas, ele resistiu. Não quis ir. Estava cheio de argumentos, e até se ofendia com minha insistência. Eu não conseguia ver nele o homem que tanto amo. Estava frio. Decidido. Eu tinha certeza que ele novamente usaria drogas.

Quando ele está nesse processo de fissura, obsessão e compulsão, não consegue pensar em mais nada. Torna-se cruel e frio. Passa por cima de mim e das crianças como um trator. E confesso que não aguento mais isso.

Então mais uma vez ele fez a sua escolha. Foi para o trabalho. Mas, as 11h da manhã já havia voltado para casa. E voltou para a sua droga de preferência.

Eu estava no trabalho. Cheguei um pouco mais cedo em casa, porque passei na imobiliária para assinar o contrato de aluguel de um novo apartamento. Ao chegar em casa, ele estava deitado no sofá da sala, alucinado.

“Vamos para o instituto.” Falei.
“Vamos”. Foi a inesperada resposta dele.

No carro, apenas o silêncio. Ele estava ao meu lado só de corpo presente. Que tristeza vê-lo se acabando assim! O caminho foi longo.

Chegamos. Ele desceu do carro sem nem ao menos me olhar. O deixei lá. Me senti aliviada. Mas, esse alívio durou pouco. Logo meu telefone tocou. Era o diretor do Instituto avisando que meu esposo havia aceitado a internação, mas disse que sairia “para usar mais um pouco” e depois voltaria. Agora são quase 04 horas da madrugada e ainda não temos notícias.

Estou decidida, amigos. Ainda nesta semana me mudarei daqui com as crianças. Fiz tudo o que era possível na tentativa de ajuda-lo. Talvez pelas perdas, pela dor da solidão, ele encontre um real caminho de recuperação. Tomara.

Dói demais. Eu o amo com todo o meu ser. E sei que vou continuar amando. Mas, não posso continuar me maltratando assim. Tenho três filhos lindos que precisam de mim. E também sei que mereço uma vida em paz.

Nesses últimos dias, tivemos muitas conversas, amigavelmente. Ele fez a escolha dele. Ele me abandonou com as crianças. Foi ele quem me deixou. Não o culpo por isso, não tenho mágoas nem raiva, sei que ele está doente. Mas, é hora de seguir com a minha própria vida.

São muitas as lembranças, boas e ruins. Temos uma história juntos. Podemos bater no peito e dizer que vivemos um amor de verdade. E isso pra mim, valeu. Estarei sempre disposta a ajuda-lo no que for possível, mas preciso manter a distância suficiente para evitar que sua adicção continue afetando a mim e aos nossos filhos, de maneira tão cruel.

No final, entendi que não foi o amor da Jamie que fez o Landon diferente. Foi o amor do Landon pela Jamie que o mudou, porque ele quis mudar, e escolheu essa mudança e esse amor.

Ainda que não tenha saído tudo como sonhei, e que o final não seja como idealizei, posso dizer que também tenho um amor para recordar, sempre.

Não desisti e nem deixei de acreditar...

“Nosso amor é como o vento, não posso ver, mas posso sentir.”

Fiquem com Deus, meus queridos!

Força, fé e esperança!



26 comentários:

  1. Polly...estou triste e feliz por vc ao mesmo tempo...ao mesmo tempo que meus olhos se encheram de lágrimas, um sorriso surgiu junto...
    Triste por saber o tamanho da sua dor...feliz por saber que como sempre vc não desistiu da sua felicidade...e isso não é um final...é um recomeço...não da nossa forma como queremos...mais como as coisas deveriam ser de acordo com a escolha de cada um....a esperança não morre nunca não é mesmo??

    Então vamos nos unir e orar...eu seguro minha mão na sua, uno meu coração ao seu para que juntos possamos fazer aquilo que sozinho eu não consigo..to junto de ti..tamu junto...e juntos somos mais fortes...fique com Deus e um enorme abraço (.....--......)

    ResponderExcluir
  2. Estou com você em oração, mesmo tendo sido apenas um namorado e não marido e pai dos meus filhos, entendo bem o que você sente amada... mas infelizmente não podemos escolher por eles, não é justo.
    Aprendi que amar, não é permanecer agarrada a alguma coisa, amar é soltar, é querer bem, é orar, respeitar suas escolhas, por piores que possam parecer.
    Muito injusto colocar a nossa felicidade nas costas de alguém, nas escolhas dele. Temos que ser feliz independente de qualquer coisa, se não alguma coisa está errada.
    Afinal os DQ infelizmente não tem capacidade de pensar, se preocupar, ou cuidar de ninguém, enquanto não fizerem isso por eles.
    As vezes precisamos passar por certas experiencias, para aprender e evoluir cada vez mais, crescemos muito no sofrimento.

    Amo vocês, estamos juntas, sempre!

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Poly,

    Você é uma mulher linda, guerreira e determinada.
    Que Deus te conceda a serenidade e sabedoria necessária para seguir em frente. A vida é feita de escolhas e ele está fazendo a dele; e enquanto essa continuar, você tem todo o direito do mundo de escolher caminhos diferentes que te levem para longe desse furacão. Você não merece isso, seus filhos não merecem isso; tampouco seu esposo merece viver dessa maneira, porém quanto a ele, você não pode modificar nada. Essa é uma decisão que só pode partir dele;assim como você decidiu viver longe disso, ele também precisa decidir.

    Que Deus renove as suas forças. Estarei aqui na torcida.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Minha querida Poly!!!
    Confesso que fiquei completamente triste com td o que está acontecendo em sua vida, é como se vc estivesse contando a minha história e por isso, me dói e dói mto pensar que esse infelizmente será nosso fim. Já segui em frente uma vez, terminei e fui ser feliz. Deus abriu os olhos do meu amado nessa minha "ausência" e fez com que ele descobrisse realmente o prazer de viver. Reatamos a pouco mais de três meses e parece que td aquele sonho que estávamos vivendo, qndo ele estava em recuperação, acabou. Ele não consegue se manter limpo e isso afeta minha vida, penso que logo mais terei que tomar uma decisão e viver.
    O filme Um Amor para Recordar, é maravilhoso. Amo demais, é um dos meus filmes favoritos. Uma linda história de amor, como vc disse, o amor do Landon pela Jamie que o mudou. E é isso que deveria acontecer em nossas vidas. Mais já parei para pensar tantas vezes que se ele não se ama, destroi a própria vida, como pode me amar??? Uma pergunta que não encontro resposta.
    Tenha mta fé nesse momento, é dificil, complicado, mais vc precisa ser feliz e viver. Te desejo mta sorte, mta força e que vc siga com mta paz e serenidade.
    Que Deus abençoe mto seus dias e te dê sabedoria para enfrentar esse momento.
    O importante é ser e estar feliz consigo msm. Vc e seus filhotes merecem somente o melhor.

    Um grande beijo, adoro vc!!!
    Fica bem e se precisar de qualquer coisa, TamuJunta!!!

    Selena!!!

    ResponderExcluir
  5. Olá Querida, vim aqui pra te dizer que TMJ, sei que seu coração está tristinho, mas Deus esta no controle Querida, sei que Ele estara a todo momento te consolando e direcionando o seu caminho!!!
    Abraços te amo em Cristo!!!

    ResponderExcluir
  6. Querida Poly!!
    Quando na minha vida,
    se faz necessário superar tristezas,
    eu olho para cima, e agradeço a Deus, por viver.
    Depois olho para dentro de mim,
    e vejo os meus próprios valores.
    Recordo as minhas conquistas,
    e esqueço as minhas dores.
    Que foram necessárias,
    para engrandecer a minha caminhada.
    Lembro que todos nós, possuímos uma força interior,
    que nos dá um poder extraordinário, de superar tristezas,
    de curar feridas, recuperar-se dos choques da vida,
    renascer sempre, erguer-se, ultrapassar, elevar.
    Sempre teremos a chance de conquistar os verdadeiros tesouros.
    Somos privilegiados, podemos ver a luz!
    Essa luz que vem de Deus, e ilumina as nossas vidas.
    Privilegiados somos por fazer parte desse mundo,
    e compartilharmos tantos sentimentos,
    vivendo bons momentos.
    Devemos ter esperanças sempre,
    pois a felicidade, todos nós poderemos encontrar!
    Basta acreditar!
    Você e seus filhos merecem o melhor,estarei aqui orando para que tudo de certo para você independente da decisão que tomar.
    Acredite que isso tudo um dia vai passar...
    Voces merecem ser felizes!
    Continuarei orando para que seu esposo possa realmente sair do meio desta tempestade e possa começar de coração sua recuperação...torço por ele.
    Quanto a você querida amiga, siga o seu coração e seja feliz!!!

    ESTAREI SEMPRE AQUI TORCENDO E ORANDO PARA QUE TUDO DE MELHOR LHE ACONTEÇA!!!
    UM GRANDE BEIJO,AMO VC!!!
    LEMBRE-SE QUE NÃO ESTA SOZINHA___TAMUJUNTAS!!!

    ResponderExcluir
  7. To vendo uma pessoa madura, uma mãe protetora, alguém que realmente está se recuperando dessa doença terrível, a co-dependencia. Te admiro cada vez mais, e te desejo forças para continuar na sua caminhada em busca de paz, de amor-próprio e de amor pelos seus filhos. Quanto ao seu marido, ele tem uma caminhada também, e agora com mais chances de recuperação. Nosso amor e nossa presença acabam por manter a doença deles sempre viva, e o fato de você escolher seu caminho e buscar uma vida melhor pode sim fazer ele acordar realmente para o desejo de ficar bem, mesmo sem vocês. Bjusss e tamujunto também!!!

    Janete

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Polly querida! Faço minhas as palavras da "Janete". Comigo foi assim, meu marido só aceitou se tratar e buscar sua recuperação quando se viu só, sem mim, sem amigos, sem a família. Hj estamos juntos, mas foi preciso um tempo longe para que Deus o fizesse enxergar o caminha da recuperação. Só por hoje ele se mantem limpo há 1 ano, frequentando as salas, fazendo terapia, indo à igreja e eu tambem me tratando da minha co-dependencia. E sabe onde eu aprendi e aprendo tudo isso? Aqui, com voce, com seus relatos, seus conselhos, sua garra, sua força, sua fé, coragem e determinação. Vocé é um anjo que Deus colocou em nossas vidas. Não te conheço pessoalamente, nunca te vi, nunca ouvi sua voz, mas penso em vc todos os dias e te tenho como uma amiga, uma companheira maravilhosa. A única vez em que nos comunicamos foi quando lhe enviei um email no inicio do ano relatando sobre o direito de visitas da esposa ao marido quando da internação, voce se recorda? Pois é, sou eu. Nunca mais te escrevi, mas falo com vc todos os dias lendo o seu blog e em pensamento em oração. Tenho o seu livro ao lado da minha cabeceira. Compartilho sua historia todos os dias com meu marido e nos grupos que frequento. Divulgo seu blog, seu livro, sua vida. Agradeço a Deus por vc existir em nossas vidas e me recuso a acreditar que Deus, o todo Poderoso e Misericordioso não tenha preparado um final feliz para voce e seu marido. Creio que esta separação seja temporária, um momento necessário, assim como foi no meu caso. Nós planejamos, mas o executar é de Deus. Talvez hj vc nao esteja entendendo o porquê de tudo isso, mas como diz a Palavra Divina, amanha compreenderás o trabalhar do Pai. Creia somente. Te amo em Cristo, te admiro, torço e oro por voce. vou lhe enviar meus contatos por email. Conte comigo amada! Bjs no seu lindo coração. Nádia.

      Excluir
    2. Poly, estou eu aqui mais uma vez lendo seu post e não acreditando... faço das palavra acima da Nádia, as minha! Fica em paz! bjs

      Excluir
    3. acredito fielmente nessa sua ideia anonima!!sei que a providencia de DEUS se faz na sua vida sempe!!bjus

      Excluir
  8. Eu odeio as drogas, odeio com todas as mimnhas forças, odeio ver as familias sendo destruidas, mulheres ficarem sem maridos, filhos sem pai, desculpa polly, mas fiquei muito triste...to chorando muito, deveria vir aqui e te dar apoio, com palavras bonitas de que td vai ficar bem, mas so consigo sentir raiva dessa merda que não deixa nada evoluir...(momento crise meu rs)
    Respirando fundo e pensando bem, mesmo com toda a raiva que eu sinto por terem um dia inventado as drogas, quero te parabenizar por você estar ciente que quem ta deixando de lutar é ele e não você...acho que a questão de sair da relação sem culpa é muito importante pois deixa vc livre para seguir sem olhar para traz..

    Querida infelizmente não consigo te falar nada de bonito..ápenas que estamos juntas...

    Maria

    ResponderExcluir
  9. É como eu disse no face amiga... É só uma tempestade e vai passar!!!
    Você é uma mulher forte, corajosa... Logo, logo... vai estar aí... se recuperando da tempestade... ajeitando o que ela estragou...

    Você está certa de mudar com seus filhos, isso vai fazer bem pra você, pra eles...


    Deus vai te dar toda a serenidade necessaria pra passar por esses momentos...

    Estou torcendo pra que tudo corra bem minha amiga... TamuJuntas

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Bom dia querida....me emocionei muito com seu post, com as fotos...sabe Poly, uma vez me disseram que o amor verdadeiro diminui a chama mas nunca apaga, como no filme vamos torcer para que o amor dele por vc faça a diferença...Parabéns pela sua determinação vc esta tomando a atitude certa nesse momento, que Deus te fortaleça muito pois sei o qto está doendo, mas tudo valerá a pena, vc o ama e por isso precisa se afastar, isso é o amor exigente. Um grande beijo querida....tamujuntas !

    ResponderExcluir
  11. Poly, nessas horas nem sabemos muito o que dizer. "A dor é inevitável, o sofrimento opcional". E é isso aí mesmo, dor, tu vai sentir, mas o sofrimento? Esse não. Tu mostrou que tá seguindo sua vida, para conseguir viver em paz com seus filhos. Tu fez tudo o que foi possível, e acho que até o impossível, mas chega uma hora que nada mais depende de nós, apenas do dependente químico. Quero dizer que te admiro muito, por toda essa sua caminhada. Foi aqui, no teu blog, que eu aprendi a viver minha vida, e não a vida do dependente químico. Foi aqui que aprendi que devemos nos amar mais, do que amar à eles. Acho que tu está fazendo o certo, afinal, essa é uma doença que eles só "aprendem" com perdas.. e ele escolheu esse caminho.

    Torço muito por ti e pelos teus filhos. Sei que tu vai sair dessa. Espero que continue postando no blog, hehe!

    Beijo, fica com Deus!

    ResponderExcluir
  12. Poly, estou em lágrimas, triste em ler isso.... não sei o que escrever e dizer... apenas que se precisar, estou aqui também! Mesmo que nao me conheça pessoalmente, pode contar comigo! É incrível que passa em minha cabeça que por mais que meu marido esteja SPH há quase 2 meses limpos, este também será o nosso fim!
    Fique em paz!

    ResponderExcluir
  13. Olá Polly!!!Sei que deve ser uma decisão muito difícil essa que vc tomou,mas tenho certeza que foi a decisão certa.Admiro muito vc por ser tão guerreira,corajosa.Não consigo tomar uma decisão dessas minha codependência esta GRITANDO cada dia mais,bjuxxxx FORÇA!!!!!

    ResponderExcluir
  14. Tamujuntas!!!!! e com a mesma dor também.
    Fui até onde eu podia ir.. agora é com ele e Deus. Estou sofrendo, sim, mas nas últimas semanas estou tranquila e serena, chorando muito, é claro. Mas sinto que fiz tudo que podia fazer, meu filho e meu trabalho são as prioridades no momento. Acredito que lá na frente iremos agradecer a Deus por não estarmos mais com eles. Pois acredite amiga, eles nunca vão mudar!!! demorei para enxergar isso, mas é a realidade. Quem usa drogas a primeira vez nunca mais será a mesma pessoa e só muda se quiser parar caso contrário não para. Viva amiga.. viva!!!
    (desculpe se falei algo que vc não gostou.. é que no momento também estou passando pela separação, depois de acreditar por 8 anos que ele iria mudar..e.. nada..)
    Forte abraço amiga!! vc tem 3 motivos para sorrir!!! (seus lindos filhos!!!)

    ResponderExcluir
  15. Oi amada Polly,
    Dizer o que nessas horas... Gostaria de estar por perto pra sentar ao seu lado e apenas chorarmos um pouco juntas, sei que agora o momento é dificil, ter que segurar a dor e não chorar porque seu filho vai estar pro perto, sorrir pra todos enquanto no peito uma dor insuportável, mas é isso aí, depois de tantas decepções sei que tiramos isso de letra.DEUS está sempre no controle, sei que vc tem fé e isso vai te sustentar pode acreditar, cada lágrima, cada gemido seu DEUS estará ao seu lado e vai transforma-lo em muito risos e felicidades.
    Talvez isso seja necessário pra ele agora, não receber a sua visita nos dias marcados, não ter pro quem esperar nesses dias vai faze-lo saber o quanto você é valiosa. Não acredito que seja o fim desse lindo amor, talvez uma vírgula nessa história, e acredito muito no poder de DEUS e a família pra ELE é algo preciosos demais. Força amada, muita fé e serenidade !!!

    ResponderExcluir
  16. OLÁ POLY! FIQUEI TRISTE COM ESSE POST,PQ NO FINAL SEMPRE FICO TORCENDO PARA VOÇES FICAREM JUNTOS E FELIZES...QUE DEUS ESTEJA SEMPRE AO SEU LADO,GUIANDO SEUS PENSAMENTOS,BJOSSS NO CORAÇAO.

    ResponderExcluir
  17. Ai minha amiga, eu odeio admitir mas não tenho as palavras certas para dizer nesse momento, acho que só você sabe o quanto essa decisão está lhe custando e também o quanto pode te trazer paz, não sei, apenas sei que você está fazendo algo, não se afundou na inércia da doença dele e isso pode e vai trazer um retorno positivo, podemos não perceber agora, mas vai sim.
    TMJ minha amada Poly!!!

    ResponderExcluir
  18. pode chorar né ?
    Eu sei exatamente como você se sente...
    Eu tambem fiz o mesmo com duas crianças pequenas...Só que na épocaa minha situação financeira era horrível , e nem por isso desisti.
    Queria poder fazer vc nao sentir tudo o que vira agora.. são coisas ruins de sentir...
    Espero que sua história seja diferente da minha Poly!

    ResponderExcluir
  19. Oi Poly,

    Faça o que tiver que ser feito, querida... E certamente será o melhor!
    Deus está cuidando de vc.
    Fique em paz...
    bjs

    Estou orando!

    ResponderExcluir
  20. Poly,é preciso coragem para mudar o que podemos e Deus está te dando essa força. A pouco tempo eu estive no meu limite também, e comecei a me organizar para deixá-lo, mas graças a Deus, só por hoje meu amor está bem já a alguns dias e tenho tido um pouco de esperança... Mas sem expectativas...Sei que ele pode recair...
    Que Deus te dê todo conforto do mundo nesse momento e abra os olhos do teu amor para a recuperação.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  21. EU ME ENCONTRO EM UMA RELAÇÃO APENAS DE 6 MESES QUE FOI COMO UM FURACÃO NA MINHA VIDA OS MELHORES 4 MESES DA MINHA VIDA ESTIVE AO LADO DELE COMO HOMEM ,COM PLANOS PRA CASAR ERA TUDO QUE EU PRECISAVA NAQUELE MOMENTO ME SENTIR AMADA ,FOI QUANDO TIVE QUE FAZER UMA CIRURGIA FOI QUANDO ELE TEVE A PRIMEIRA RECAIDA DEPOIS DE 2 ANOS LIMPO,FIQUEI SEM CHÃO O MEU CASTELO DESABOU,ELE TEVE QUE SER INTERNADO EM UMA CLINICA QUE ERA OUTRO PESADELO LOGO NA PRIMEIRA VISITA A FAMILIA ACHOU MELHOR TIRA LO DE LÁ ,QUE FOI UM ERRO,QUINZE DIAS DEPOIS LOGO TEVE UMA GRANDE RECAIDA ELE ESTA HA 10 DIAS MORANDO NA CASA DE UNS TRAFICANTES ENVOLVIDO ,COMPLETAMENTE DOMINADO NÃO QUER AJUDA FUI VARIAS VEZES ATRAS DELE ,SEM SUCESSO A FAMILIA JA HAVIA DESISTIDO,DELE EU NÃO CONSEGUIA LIDAR COM ISSO SOZINHA SEM APOIO DE NINGUÉM SO DE Deus ,FOI QUANDO EU IMPLOREI PRA FAMILIA NÃO DESISTIR DESSA VIDA AGORA VÃO INTERNA LO INVOLUNTARIAMENTE ,MAIS ASSIM EU CONSIGO DORMIR E TOCAR A MINHA VIDA ,ELE SEMPRE DIZIA Q ME AMA MUITO ,MAIS ACHO SE ELE NEM SE AMA COMO VAI PODER AMAR A SUA FAMILIA ELE TEM QUE SER O HEROI O CABEÇA DA FAMILIA E NÃO A DESTRUIÇÃO ,TENHO ACOMPANHADO A SUA LUTA E DE CERTA FORMA TEM SIDO UM CONSOLO ESSE BLOG,MAIS VC ESTA TOMANDO A MELHOR DESCISÃO E SEJA FIRME ELE PRESCISA SENTIR O QUANTO PERDE PARA DAR VALOR A QUEM SEMPRE LUTOU,ELES QUEREM APENAS UMA MULETA PARA SE APOIAR SE NÃO TEM A MULETA TEM QUE APRENDER ANDAR SOZINHO COM AS PROPRIAS PERNAS...FORÇA O SENHOR TEM VISTO A SUA LUTA E VAI TE HONRAR ELE TEM VISTO AS SUAS LAGRIMAS.BJS

    ResponderExcluir
  22. Oh!Amiga que chatoo,mas como outros já mencionaram nossa vida é feita de escolhas,a cada escolha uma renúncia e exatamente isso que vc está preste a fazer,fazer escolha pois nesse momento seu amado fez a dele eu espero em DEUS que tudo d~e certo no final precisando de mim é só chamar,bjos e FORÇA,FÉ E FOCO Tamujuntas!

    ResponderExcluir