quinta-feira, 21 de junho de 2012

Estamos Juntos!



Boa noite, queridos!

21 de junho de 2012, 21 horas. Quinta-feira.

Meu esposo está na reunião do NA, conforme de costume. À tarde, esteve em sua consulta com a Psicóloga. Amanhã terá Psiquiatra. É, para vencer a dependência química diariamente é preciso querer, e é preciso esforço, afinal, para recair basta não fazer nada, e a doença sorrateiramente se aproximará...

Dia triste hoje. Tivemos a notícia da recaída de um amigo. Alguém muito querido e que estava limpo há uns 8 meses. Daí, por um lado sofro pela recaída do companheiro e amigo, e por outro lado sofro com o medo que vem. Medo do meu esposo recair, medo de voltar a viver aqueles dias de angustia e dor, medo de perder essa paz tão gostosa. Então o que me resta é elevar meu pensamento a Deus em oração, e entregar a Ele o que eu não posso controlar...

Só por hoje meu esposo está limpo há 8 meses e 20 dias!

Hoje pela manhã a toalha da mesa do grupo do NA estava no nosso varal, fiquei olhando aquele pano azul, com aquele símbolo e algumas palavras, e pensando no quanto tudo isso tem feito bem para o meu esposo e para a nossa família. Acreditem, funciona mesmo! Obrigada, Bill e Bob!

Lastimo muito por meu pai ter morrido sem ter entrado em uma sala de NA.




Há um ano, fiz esse vídeo e coloquei no youtube com trechos do Blog. Gostaria de partilhar com vocês as palavras recebidas por meio dele.

“Após quatro anos de relação com um adicto.. vindo de mais uma recaída após 3 internações, reuniões diárias de NA, NAR ANON.. Eu estava prestes a desistir, até aparecer esse vídeo.. Me emocionou bastante. Parabéns, pollyana.. que Deus te abençõe..."

Voto positivoVoto negativo”Obrigado pollyana, que o P.S. te abençoe, a teus familiares e a todos os familiares de adictos deste mundo, aos usuários desejo que não morram antes de conhecer N.A., chorei todas as vezes que assisti a este vídeo.”

Voto positivoVoto negativoResponder http://s.ytimg.com/yt/img/pixel-vfl3z5WfW.gifMuito Lindooo ..uma frase que se encaixa bem: ‘ Cuide bem do seu amor , seja ele quem for.’"

Voto positivoVoto negativoResponder http://s.ytimg.com/yt/img/pixel-vfl3z5WfW.gifParabéns a vc que postou esse video maravilhoso, estou limpo a 83 dias (31/12/11), naum me recordo de um Natal e um Ano Novo sem drogas, esse ano foi o melhor ano da minha vida !!! A minha familia voltou, apesar de todos os percausos, minha mulher, o amor da minha vida , naum desistiu de mim !!! Só por hj...funciona !!!! Tamu junto !!!!Voto positivoVoto negativoResponder http://s.ytimg.com/yt/img/pixel-vfl3z5WfW.gif

“PARABÉNS .....PARABÉNS ... Pra quem postou o vídeo!!! A vitória é sua, tenha fé!!! Um grande abraço!!!”

E hoje, em especial, recebi um comentário do Caio, um adicto, no Post Carta de DQ em Recuperação, que confesso, me fez chorar. Vejam:

"Olá Poly.
Encontrei seu site através de seu vídeo no Youtube, que por sinal me deixou em lágrimas. Sou um adicto em recuperação, tentando viver o 'Só Por Hoje'. Estou a 38 dias de volta a sociedade depois de 6 meses de internação. Foi minha primeira e espero que seja a última. Digo 'espero que seja a última' pois é difícil, muito difícil ficar se contrariando dia após dia, entregar minhas vontades e minha vida aos cuidados de Deus e deixar com que ele remova todos meus defeitos. Desses 38 dias acabei por vacilar e tive 4 recaídas rápidas, questões de horas apenas, seguida de grande frustração, dor e sofrimento. Você sabe bem o que é isso sendo uma co-dependente.
É muito doloroso ver o que acabei fazendo comigo mesmo, matando aquele cara que um dia teve tudo do melhor, de boa criação, melhores escolas, bons amigos
(sim tenho amigos de coração).
A cada dia acordo para vir trabalhar e em diversas vezes me pego em pensamentos errados, pensamentos que ficam mirabolando possibilidades para o uso. Começo a ficar perturbado o que não ajuda muito, ansioso ao extremo, querendo tudo nessa hora dessa maneira.
Tenho medo de às vezes voltar para casa pois fico da hora em que chego até a hora que minha irmã volta do serviço - cerca de até 4 horas - sozinho. Milhões de coisas passam em minha mente. Frequento o grupo perto de minha casa, mas fico insatisfeito algumas vezes.
Enfim, quero mesmo dizer que seu site está nos meus favoritos e que seu trabalho é algo fora de série. Seu amor incondicional é algo espetacular e deve ser visto por todos para que um dia a sociedade pense diferente e não reprima nós adictos como simples coitados marginalizados, doentes sem futuro. O que precisamos mesmo é de uma mão estendida por mais que não queremos pedir ajuda, pois é difícil a 'aceitação e a rendição', precisamos só de um pouco de atenção e que apenas nos escutem e mais nada.
Depois de ler seu site, Só por hoje tenho certeza de que não usarei.
É isso, um forte abraço e uma boa recuperação e alegria para vocês."

Força, Caio! Não desista! Só por hoje... Um forte abraço e uma boa recuperação e alegria para todos nós, companheiro!

"O presente (o só por hoje) é tão grande, não nos afastemos. Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas..." 
Carlos Drummond de Andrade

9 comentários:

  1. Acabei de ler seu blog.Hoje foi o dia bem dificil pra mim. Meu marido, meu amado tentou me matar. Estou apavorada e desesperada. Sai de casa e estou na casa dos meus pais. Não temos filhos. Estou casada há 4 anos. E não tenho + forças pra continuar nessa vida. Deixei de viver minha vida. Deixei de me cuidar.Não me reconheço mais.Não sou feliz.Estava procurando o grupo Naranon perto da minha casa e achei seu vídeo no youtube. E fiquei horas lendo,lendo,lendo. E estou bastante emocionada. Me vi em várias situações que vc viveu. Também conheci meu marido pela internet. E também sabia que ele usava drogas. Mas não tinha noção aonde estava me metendo. Quando eu o conheci, ele me disse que de vez em quando fumava um baseado. E eu nem liguei porque achei que era inofensivo. Na época que eu o conheci estava passando por alguns problemas em casa e me apeguei ainda mais a ele. Ele morava sozinho e isso contribuiu pra que 6 meses depois de nos conhecermos,nós fomos morar juntos. No inicio foi tudo lindo. Mas depois começei a notar que ele se descontralava diante de problemas banais. Mas achava que a culpa era minha. Eu que não era uma boa esposa. Quem me deu o primeiro alerta sobre a co-dependencia foi minha sogra. Daí decidi buscar ajuda. E entendi que também sou doente e preciso me tratar. Já me separei varias vezes e voltei. Minha família tem pena de mim. Não me abro com ninguém, pq as pessoas gostam de julgar e não de ajudar. Estou vivendo um inferno.Mas amanhã vou na minha 1°reunião no Naranon. Espero dias melhores.
    Mariane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mariane, sou casada com um dependente quimico também, da uma passada no meu blog, gostaria de sua opinião sobre o ultimo post
      http://dependenciaecodependencia.blogspot.com.br/
      Fique com Deus

      Excluir
  2. Poly querida...é muito emocionante seu video !
    Fica firme, esse medo que veio sobre vc é normal, pq vc ja passou por momentos muito dificeis, mas creia que vc esta em um novo tempo, tempo de colher tudo que vc plantou até aqui !!!

    Um grande beijo....juntasempre !

    ResponderExcluir
  3. Brilhante Postagem, amiga!
    Um vídeo muito bom. Parabéns!!!

    Hoje é o dia internacional de combate as drogas e eu quero te parabenizar pelo seu excelente blog. Quero te parabenizar pelos seus préstimos a tantas familias que conseguem encontrar em ti, forças para continuar lutando, independente de seguirem ou não ao lado de seus adictos.

    Parabéns pela excelente postagem, amiga!

    Abração e TAMUJUNTU.

    ResponderExcluir
  4. Oi Poly, as vezes passo por aqui, leio seu blog e me emociono muito. Ontem tivemos que internar meu namorado, dependente pela 4º vez, não está sendo fácil, no momento da internação eu me senti impotente, não conseguia nem conversar com ele. Estou em um dia muito ruim, mas tenho a certeza que Deus é muito maior e que minha dor irá passar. Obrigada pelas suas mensagens no blog, fica mais fácil entender que nossa dor é a mesma .

    ResponderExcluir
  5. 101 dias que meu amor está limpo.
    A cada dia ele está mais centrado em sua recuperação, mais dedicado ao programa, mais sereno.
    Tudo nele está diferente, até seu jeito de olhar.
    Graças a Deus!
    Na última 5ª feira, 21/6, ele partilhou sobre mim e sobre a mãe dele na reunião do NA, falou da importância que temos na vida dele.

    Em alguns momentos o medo também me assombra, mas quando isso acontece, procuro desviar meus pensamentos e entro em oração.

    Poly, suas postagens sempre me ajudaram bastante, muito obrigada!
    As vezes até sinto vontade de fazer um blog também, rsrs, e se isso acontecer, você será a primeira pessoa a saber.
    Torço e peço a Deus por você e sua família.
    Fique em paz!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Criei o blog.
    O nome é "Então é primavera..."

    http://entaoeprimavera.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. oi Poly.. gostei muito do seu blog.. é muito bom ver que vc não desistiu e isso me incentivou mais a não desistir também!! namoro um adicto em recuperação e ele está prestes a sair da clinica em que ficou internado por 6 meses!! estou muito confiante na recuperação dele!! um beijo carinhoso!!!

    ResponderExcluir